KC - Marketing & Communication Consulting

Switch to desktop Register Login

"Tinnitus" pode ser reduzido por meio de terapia Acoustic Coordinated Reset (ACR)

 

Testes clínicos comprovaram que sete de cada dez pacientes que sofriam de "zumbido" foram beneficiados com essa terapia

 

Noise 24 hours a dayTestes clínicos realizado pelo  Professor Peter Tass at Jülich Research Center in Germany (Centro de Pesquisa da Alemanha), cujos resultados foram publicados pela Revista de Ciência Neurológica, mostraram que a terapia Acoustic Coordinated Reset (ACR) pode reduzir o barulho e desconforto causados pelo zumbido (Tinnitus). A terapia, realizada com 63 pacientes que sofriam dessa doença durante um longo período, apresentou melhora significativa em sete de cada dez pacientes.


Foram solicitados aos pacientes para que utilizassem um "headphone" especial durante algumas horas do dia. O aparelho emitia uma série de tons e sons com frequências específicas voltadas para o zumbido daquele paciente. O que significa dizer que ocorre uma interrupção no ritmo do padrão de "zumbido" produzido na célula do nervo da audição.  

  

Zumbido torna-se mais tranquilo e menos incômodo

Foi pedido aos participantes para adaptarem  primeiramente o tom de seus zumbidos para uma das  faixa de som tocadas para eles. Os cientistas descobriram que o som que as vítimas ouviam bloqueava as células auditivas localizadas no cérebro causando grandes  ruídos. O teste de tom foi  realizado entre os entrevistados  durante 4 a 6  horas num período de 12 semanas. Após quatro semanas, os "headphones" foram retirados e recolados de novo em intervalos regulares durante 22 semanas.   No final do teste cerca de sete dos dez  participantes afirmaram que seus "zumbido" (tinnitus) tinham se tornado mais tranquilo e menos incômodo. Em média metade dos sintomas do zumbido desapareceram. Aqueles que receberam um outro tipo de tratamento, totalmente distinto do ACR, experimentaram“ transformações limitadas e não significantes”. 

  

Aprendizagem do modo "contrário

No Brasil, uma técnica realizada no Hospital Albert Einsten também tem obtido bons resultados. O retreinamento do zumbido (TRT), como é chamado, usa um som diferente do zumbido, com o objetivo de promover habituação, ou seja, fazer com que o sistema nervoso aprenda a ignorar estímulos sem significado. Assim, quando o paciente deixar de ouvir o barulho do aparelho também deixará de ouvir o zumbido. 

 

O Acoustic Coordinated Reset (ACR)  foi originalmente desenvolvido como terapia para doenças neurológicas, tipo mal de Parkinson. Mas os excelentes resultados apresentados pelos testes clínicos, abrem uma nova porta para tratar esta doença que afeta mais de 25% das pessoas no mundo, segundo dados da Organização Mundial da Saúde - OMS.

 

 

Design by Kendra Chihaya © Marketing & Communications Consulting | 2012 - All rights reserved

Top Desktop version